Entenda o que é analytics e confira o impacto dessa solução na era digital

O que é analytics? Para que serve? Entenda tudo!
O que é analytics? Para que serve? Entenda tudo!

Você sabe o que é analytics e conhece a importância da prática nos dias de hoje? Essa solução baseia-se em uma análise de dados aplicada e sistematizada e que se vale de técnicas de raciocínio matemático e percepção de padrões.

Em tempos de consolidação intensa da comunicação digital, sua principal função é propiciar insights que orientem o processo de tomada de decisão organizacional em momentos estratégicos.

O analytics ganhou protagonismo no universo corporativo em função da grande quantidade de dados relevantes sobre público e tendências de mercado disponíveis em nuvens por meio de tecnologias. 

Só para se ter uma ideia, são gerados cerca de 2.5 quintilhões de dados todos os dias a partir de práticas e processos na rede mundial de computadores, segundo informação da Techjury

Portanto, entender o que é analytics e seu papel é muito importante para empresas que desejam filtrar e interpretar esse enorme volume de informações para gerar inteligência comercial nos dias de hoje. Quer entender mais sobre o assunto? Leia até o fim!

O que é analytics?

Analytics é um termo em inglês que engloba uma série de operações estatísticas e matemáticas para a identificação de padrões dentro de um conjunto de registros, a princípio, dispersos. 

A prática tem o potencial de extrair conclusões e informações relevantes a partir da ciência de dados. É dessa forma, portanto, que empresas utilizam mecanismos tecnológicos que tornem ágeis e confiáveis essa análise para, assim, encontrar subsídios para sua inteligência de mercado.

Portanto, a organização que entende o que é analytics e o implementa em sua rotina corporativa para embasar decisões, consegue insights valiosos referentes a:

  • tendências e flutuações de mercado para orientar as ações estratégicas;
  • informações relevantes sobre a concorrência;
  • registros sobre o padrões de comportamento e perfil de consumo do seu público-alvo;
  • indicadores de internos que auxiliam na mensuração da performance e dos resultados da organização.

Para conseguir lidar com todo esse volume de informação e interpretá-la para ter soluções inteligentes de negócios, duas tecnologias são fundamentais. Falaremos delas a seguir.

Big data e machine learning

O big data e o machine learning são dois subconjuntos da inteligência artificial que atuam para tornar mais ágil, confiável e eficaz a prática da análise de dados.

O big data é o grande motor desse processo. O termo representa uma grande quantidade de registros apreendidos que denotam e antecipam padrões de comportamento. Sendo assim, o software age segundo uma linha lógica de comportamento que simula o raciocínio humano.

A percepção de padrões nesses dados armazenados e a capacidade da máquina de aprender e atribuir respostas esperadas a diferentes combinações de informações são conceitos que chamamos de machine learning. 

O que é Machine Learning? Entenda como funciona a tecnologia

Se o big data representa os dados armazenados, o machine learning denota a capacidade de dar respostas preditivas a determinados padrões de associação de dados.

Quais são os tipos de analytics?

Os principais tipos de analytics são:

  • análise descritiva: também conhecido como estatística descritiva, esse procedimento, como o próprio nome já diz, visa à descrição dos dados observados para entender o que aconteceu e o que eles representam.
  • análise prescritiva: ela é a chave da inteligência competitiva de mercado, pois é capaz, por meio de processos sofisticados de automação e leitura de dados, encontrar insights e soluções para determinado problema.
  • análise preditiva: ela parte de uma fórmula matemática ou lógica que estima, por meio de dados, um parâmetro ainda desconhecido.
  • análise diagnóstica: é uma das técnicas de análise de dados que tem por finalidade entender e assinalar o impacto de estratégias de vendas ou campanhas de marketing em uma empresa. Ela funciona como um complemento da análise descritiva. 

Quais os benefícios de investir em soluções analytics?

São vários os benefícios que soluções analytics oferecem às organizações em tempos de transformação digital. Afinal, informação, mais do que nunca, tornou-se no pilar de qualquer estratégia corporativa bem-sucedida.

Hoje não há mais espaço para que empresas tomem decisões às escuras e sem o devido embasamento de dados e indicadores. Os números estão na base, especialmente, da inteligência de vendas e de um planejamento comercial bem consolidado.

Dessa forma, os principais benefícios do investimento em web analytics são:

  • atendimento personalizado e assertivo para o público-alvo;
  • melhorias nas métricas de customer success (ou satisfação do cliente);
  • aumento dos indicadores de retenção;
  • crescimento das vendas e dos lucros da empresa;
  • melhora dos processos internos e da performance dos colaboradores por meio do people analytics.

Como fidelizar clientes com análise de dados?

Portanto, mais do que um diferencial, entender o que é analytics e aplicá-lo na organização é um elemento fundamental para garantir competitividade e manter a relevância da empresa na era dos dados.

Quais as principais ferramentas de analytics?

Afinal, que  ferramentas de analytics  sua organização pode utilizar para angariar insights?. Selecionamos três! Vamos a elas!

Google Analytics 

Essa talvez seja a ferramenta de analytics mais popular na internet. Gratuito e de simples manipulação, o GA é uma ótima solução para monitorar os números de tráfego e visitação de websites, além de análise de comportamento do consumidor. 

Na versão paga, as funcionalidades aumentam.

Adobe Analytics 

Essa ferramenta é mais robusta e completa que o GA. Entretanto, todas as suas versões disponíveis são pagas. 

Ela faz relatórios de marketing, comportamento do consumidor, tráfego de website e, diferentemente do seu rival da Google, faz análise de dados em tempo real.

Scora Journey 

Essa completa ferramenta de gestão de dados visa melhorar a performance da organização a partir de uma análise embasada de dados que geram insights

Entre as ações da plataforma mais direcionadas à solução das necessidades dos clientes estão:

  • comparar performance de campanhas de vendas atuais com antigas;
  • a partir da base de dados de clientes, oferecer lista de recomendação para que  eles possam se beneficiar da mesma oferta de produto ou serviço;
  • fornecer um big data com histórico detalhado de clientes específicos para comparar com o comportamento de outros similares;
  • aferir dados geográficos e performances de engajamento de produtos ou serviços anteriores, embasando assim insights para orientar os próximos passos.

Entendeu o que é analytics? Invista na ferramenta certa

Entendeu o que é analytics? Compreender seus principais fundamentos e implementá-lo de forma estratégica nas organização é um pré-requisito incontornável no atual contexto do mundo dos negócios.

Se tiver interesse, converse com um especialista da Oncase para avaliar uma solução inteligente para o seu negócio.Acompanhe o conteúdo do blog para se manter informado sobre novidades do mercado digital e inteligência de dados. Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *